Filhos de Gaia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Filhos de Gaia

Mensagem por Mestre em Seg 04 Abr 2016, 21:58

Filhos de Gaia

Quando a Wyrm invadiu o coração dos Garou e o sangue das tribos foi derramado pelas garras dos próprios lobisomens, os Filhos de Gaia ergueram-se para conduzir os Garou de volta às graças da Mãe. Eles suspenderam o Impergium, pressionaram as tribos para que fizessem paz e espalharam a palavra do amor de Gaia pelas terras dos humanos. Para os Filhos de Gaia, a vida é um presente que deve ser saboreado, não uma batalha a ser vencida. Entre os Garou, eles são os unificadores, os arautos da paz.

Os Filhos de Gaia insistem que abraçar a violência é garantir, por omissão, a vitória da Wyrm. Eles admitem que a morte faça parte da vida, mas o ódio é o portal para a Wyrm interna, precisando ser evitado. Contudo, até mesmo os Filhos de Gaia discordam sobre quando deve terminar o diálogo e começar a luta. Quando escolhem lutar, os Filhos de Gaia são guerreiros poderosos, fortalecidos por seu compromisso com a Mãe. Até então, esses Garou buscam uma forma de resolver os conflitos sem derramento de sangue.

As tribos compartilham a concepção de que Gaia é uma Mãe amável e generosa, e que a Wyrm é a negação de seu
amor. Os filhos previram corretamente que o Impergium conduziria a uma eterna disputa entre humanos e Garou, mas a tribo parece perplexa diante do Apocalipse que se aproxima. Seus líderes ainda tentam negociar com os humanos e fazer com que vejam a luz antes que seja tarde demais. Contudo, até mesmo os Filhos de Gaia mais otimistas se perguntam se o tempo da paz já não acabou.

Os Filhos reúnem-se em matilhas mistas, na maioria das vezes juntando membros de outras tribos e agindo como uma influência mediadora. Cada seita possui anciões tribais que assumem os papéis de A Voz da Deusa (fêmea) e o Braço da Deusa (macho), um para cada tribo.

Os outros Garou nutrem pelos Filhos de Gaia um respeito relutante. Os Filhos são considerados pacificadores honrados, ainda que um pouco cabeça-moles. Para o desgosto de seus rivais, os Filhos provaram estar certos no passado, e irradiam um respeito profundo pelo amor da Mãe. Seus dons curam, protegem e nutrem mais do que ferem, e eles tendem a possuir Atributos Sociais bastante elevados. Eles possuem uma harmonia profunda com Gaia e com todo
seu esplendor, preferindo dedicar seu tempo a contemplar a harmonia ao invés do caos. Mas quando enfurecidos, sua
Fúria é terrível.

Totem da Tribo: Unicórnio

Força de Vontade Inicial: 4

Antecedentes: Sem restrições

Dons Iniciais: Toque da Mãe, Resistência à Dor

Físico: Em suas formas Hispo e Lupina, os Filhos de Gaia lembram os lobos magníficos da arte mística. Poderosos e de pelugem lustrosa, irradiam um senso tangível de calma e equilíbrio em vez da frieza selvagem da maioria dos Garou. A pele tende a possuir tons de marrom e cinza, muitas vezes malhado ou estriado de branco. Na forma Hominídea os Filhos de Gaia representam todas as raças e culturas humanas.

Território: Praticamente qualquer parte. Embora muitos operem na América do Norte, os Filhos de Gaia costumam viajar, ensinando, por exemplo. Muitos juntam-se a grupos de humanos ambientalistas.

Protetorado: Como as Fúrias Negras, os Filhos de Gaia costumam cuidar de seus parentes humanos. Durante o último século, as duas tribos impeliram o progresso dos direitos humanos e o despertar da consciência ambiental. Mas ao contrário das Fúrias, os Filhos de Gaia preferem promover a mudança por meio do exemplo, não por ameaça.

Citação: Por que você não saboreia a vida que Gaia lhe deu em vez de acabar com ela? É melhor afogar-se em sangue que em corrupção? Eu acho que não.
avatar
Mestre
Admin

Mensagens : 1334
Data de inscrição : 01/03/2016

http://highrock.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum